O taxista Antônio Jorge de Souza Gomes Júnior foi morto na noite de quarta-feira (13) na Avenida Barros Reis, no bairro do Pau Miúdo, em Salvador.

Segundo informações de testemunhas, os suspeitos estavam dentro do táxi da vítima e fugiram após o crime. Antônio, de acordo com a Associação Geral dos Taxistas (AGT), estava no Campo Grande quando recebeu uma ligação e foi fazer uma corrida.

Foto: Acervo Pessoal

“Nosso colega  foi vítima de homicídio após desentendimentos constantes com um primo e o mesmo armou junto com uma mulher uma emboscada para assassinar o taxista no início da noite na Barros Reis. Descarrtando assim a possibilidade de latrocínio”, afirmou Denis Paim, presidente da AGT.

O caso vai ser investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que não apresentou versão inicial das investigações.

De acordo com a  Polícia Civil, um casal suspeito de cometer o crime foi levado para a Central de Flagrantes por equipes da 37ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Liberdade) que conseguiram prender os suspeitos momentos depois do crime.

Compartilhar