‘Não poderia acontecer’, lamenta Nino após empate com o Vasco

Tricolor levou o gol aos 39 minutos do segundo tempo

Por Gabriel Rodrigues – Correio da Bahia

O dia que era para ser de festa terminou bem diferente para o Bahia. Depois controlar boa parte da partida, o tricolor cedeu o empate para o Vasco, aos 39 minutos do segundo tempo na noite desta quinta-feira (5), e perdeu a chance de se despedir  com estilo do estádio na temporada 2019.

Após o apito final, os aplausos vindos das arquibancadas se transformaram em vaias. O tricolor acumulou a sua oitava partida sem saber o que é vencer em casa. O lateral direito Nino Paraíba lamentou o resultado.

“A gente o tempo todo com um a mais e não conseguimos matar o jogo. No final veio o empate. Não pode acontecer isso, último jogo em casa, diante da torcida, tinha que dar alegria para ela. E para a gente também. Agora é pensar no último jogo, contra o Fortaleza e terminar bem o campeonato”, afirmou o lateral.

Já o volante Gregore preferiu valorizar o adversário e afirmou que o Vasco lutou até o fim. O camisa 26 aproveitou para projetar o próximo ano e afirmou que o Bahia vem forte em 2020.

”Dei o meu melhor, todo mundo que entrou deu o melhor. Temos que parabenizar o Vasco que tem uma equipe boa, está em uma recuperação no campeonato também”, disse ele, antes de continuar:

“A gente queria o triunfo em casa, último jogo, infelizmente não veio, paciência. Nosso time merecia vencer, mas não termina hoje, temos mais um jogo. Fizemos um ano bom, todas as equipes oscilaram, a gente oscilou no final. No próximo ano o Bahia vem forte. A gente tá batendo de frente com todo mundo’, afirmou o volante.

Com 49 pontos, o Bahia segue na 11ª colocação do Brasileirão. No domingo (8), o time encara o Fortaleza, no Castelão, pelo último jogo fa temporada 2019.

Compartilhar