Assessor especial do Ministério da Saúde, Aleluia anuncia liberação de R$ 10 milhões para Santa Casa de Misericórdia da Bahia

Assessor especial do Ministério da Saúde do Governo Bolsonaro, José Carlos Aleluia (DEM) utilizou as redes sociais nesta quarta-feira (27) para comunicar um encaminhamento de cerca de R$ 10 milhões para a Santa Casa de Misericórdia da Bahia. O investimento será essencial para o restauro artístico e estrutural do Museu da Misericórdia, localizado no Centro Histórico de Salvador.

Em seu anúncio, Aleluia exaltou a importância do espaço. “Com um acervo de quase duas mil peças catalogadas, entre pinturas, mobiliário, esculturas, alfaias, imagens sacras e painéis em azulejaria portuguesa, datadas dos séculos XVII ao XX, o Museu da Misericórdia é hoje o mais visitado da capital baiana”, ressaltou.

Ainda na mesma publicação, José Carlos, também integrante do Conselho Federal Gestor do Fundo de Direitos Difusos (CFDD), órgão ligado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, do ministro Sergio Moro, fez questão de agradecer o empenho do chefe da pasta.

“Nessa conquista, não poderia deixar de agradecer aqui o empenho do ministro da Justiça, Sérgio Moro, que ampliou o combate ao crime organizado e ás prédicas desleais de comércio e deu novo impulso à aplicação dos recursos do Fundo de Defesa de Direitos Difusos em projetos de diferentes eixos temáticos: promoção da recuperação, conservação e preservação do meio ambiente; proteção e defesa do consumidor; promoção e defesa da concorrência; patrimônio cultural brasileiro e outros direitos difusos e coletivos”, concluiu Aleluia.

Compartilhar