O Vitória foi condenado a pagar R$ 370 mil ao meia Marcelinho. A decisão da Justiça do Trabalho foi proferida pela juíza Michelle Pires Bandeira Pombo e publicada na última sexta-feira (9) no Diário Eletrônico do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-BA). A informação foi publicada inicialmente pelo site Bahia Notícias.

A ação movida pelo atleta alega atraso no pagamento de salários, entre eles o 13º, direito de imagem, não recolhimento de FGTS, além de indenização por danos morais. O Vitória ainda pode recorrer da decisão.

Marcelinho tem 37 anos e defendeu o Vitória na temporada passada. Ele chegou à Toca do Leão em agosto de 2020 após jogar por anos no futebol da Bulgária. O contrato com o rubro-negro era válido até 27 de fevereiro de 2021, mas um pouco antes, no dia 20, o jogador entrou com ação na Justiça e conseguiu uma rescisão indireta.

Compartilhar