Por Rodrigo Daniel Silva

Da bancada de oposição, a vereadora Marta Rodrigues (PT) pediu, ontem, que a Câmara de Salvador suspenda a tramitação da reforma da Previdência, que foi encaminhada pelo prefeito ACM Neto (DEM) a Casa. Na avaliação dela, com o surto do coronavírus, a presença da população e de servidores do Legislativo fica inviabilizada.

“Já recebi diversos ofícios (de sindicatos) pedindo a nossa compreensão de não tramitar o projeto neste período. O projeto que eu falo é o da reforma que está na Câmara, porque inviabiliza os servidores e a população em geral (de participar). (E também) para que a gente tenha condições de apresentar emendas e fazer o bom debate”, declarou a petista, durante discurso. Questionado pela Tribuna se a Casa pode suspender a tramitação, o presidente da Câmara, Geraldo Júnior (SD), afirmou que “por enquanto ainda não”.

Compartilhar