A Universidade do Estado da Bahia (Uneb) anunciou que vai manter suspensa por mais 30 dias as atividades na instituição. A decisão foi tomada pela reitoria após recomendação da Comissão de continuidade da suspensão das atividades administrativas e acadêmicas, considerando a regulamentação do Plano de Ação para o enfrentamento a pandemia covid-19 (Resolução CONSU Nº 1.406/2020). O documento foi para apreciação do Conselho Universitário (Consu).

A reitoria da Universidade comunicou também que as atividades administrativas continuam sendo realizadas por trabalho remoto e que o Conselho Universitário (Consu) já aprovou a constituição de duas Comissões Especiais com a finalidade de elaborar Documentos Referenciais para o desenvolvimento das ações institucionais “no Ensino de Graduação e pós-graduação, na Pesquisa, na Extensão, nas ações afirmativas e na assistência estudantil, em função do estado de calamidade pública decorrente da Pandemia COVID-19” e “referentes à gestão de pessoas e aos procedimentos administrativos no âmbito da Universidade do Estado da Bahia, em função do estado de calamidade pública decorrente da Pandemia COVID-19”.

Em documento, a reitoria informa ainda que a medida leva em consideração que a permanência do cenário pandêmico demanda o emprego contínuo de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à Saúde Pública, a fim de evitar a disseminação da Covid-19, sobretudo mediante conservação de isolamento social como principal instrumento de combate à disseminação da doença.

A Uneb destaca ainda que a decisão de suspender as atividades contribuíram para “a lentificação do surgimento de novos casos, a postergação do pico de contaminação a nível estadual e o consequente achatamento da curva de incidência de infecção pelo novo Coronavírus, o que evitou, até a presente data, o colapso do Sistema de Saúde”. Eles ressaltam, no entanto, que, apesar das medidas tomadas, ainda se observa o aumento de novos casos da covid-19, de acordo com os Boletins Epidemiológicos apresentados pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), sobretudo nos bairros populares de Salvador e nas cidades do interior, particularmente em municípios onde a institução de ensino superior tem campus universitário instalado.

A medida leva em consideração também o fato da Uneb ser uma instituição multicampi e multiregional, com alta mobilidade dos membros de seus respectivos segmentos. “Muitos estudantes retornaram às suas localidades de origem, buscando assim maior proximidade em relação aos seus familiares – medida que também faz reduzir os custos de permanência nas cidades em que estudam –, e não poderão retornar às atividades acadêmicas por conta das restrições de deslocamento em/entre municípios, impostas por força de decretos municipais e estadual”, conclui o documento.

A Uneb possui 29 Departamentos instalados em 24 campi: um sediado na capital do estado, onde se localiza a administração central da instituição, e os demais distribuídos em 23 municípios baianos de porte médio e grande. Atualmente, a universidade disponibiliza mais de 150 opções de cursos e habilitações nas modalidades presencial e de educação a distância (EaD), nos níveis de graduação e pós-graduação.

Compartilhar