Os 471 anos de história da capital Salvador foram celebrados pelo vereador e vice-líder da oposição, Luiz Carlos Suíca (PT), neste domingo (29), de uma forma diferente e inédita. A celebração aconteceu longe do povo, devido à quarentena contra o novo coronavírus mortal. Entretanto, o edil petista diz que muita coisa precisa ser ressaltada e que assuntos importantes não podem ser esquecidos pela sociedade neste período de isolamento.

 

“Estamos reclusos em nossas casas, distantes um do outro, mas ligados lutando por um propósito. Independentemente de lado, crença, faixa etária ou classe social precisamos juntos derrotar este inimigo invisível. E Salvador celebra sua data magna com as ruas vazias. Sua efervescência multicultural está reclusa. As belas praias e pontos turísticos não podemos usufruir agora, mas isso quer dizer que a gente pode olhar para si. Apesar de nossas belezas, nossa sociedade é marcada por desigualdades”, salienta Suíca.

 

Ele fez uma transmissão ao vivo neste domingo e tratou de diferentes assuntos envolvendo Salvador. Cultura popular, turismo, desemprego, aumento da tarifa de transporte coletivo, ações do governo estadual e municipal para conter a pandemia de coronavírus e reforma da previdência da cidade. “Não podemos esquecer que Salvador é uma das capitais com maior índice de desemprego no Brasil. A cidade precisa criar mais postos de emprego urgentemente. Sem contar que é uma das capitais com a tarifa de transporte mais cara do Brasil – e acaba pesando no orçamento das famílias”.

 

Suíca ainda fala sobre o uso político na tramitação do processo de reforma da previdência municipal no período de pandemia. “Sou totalmente contra falar sobre um tema tão importante em um período de fragilidade sem debates com os servidores, isso é sem noção”. Sobre a limpeza urbana e os profissionais que atuam na rua, o edil petista defendeu a atuação e destacou o trabalho do SindilimpBA. “São fundamentais para a cidade neste momento tão difícil e precisamos de todo o apoio para ajudarmos a salvar vidas”.

 

Compartilhar