A estratégia de expansão do Spotify está bem definida, e bastante clara para quem acompanha o noticiário da empresa: podcasts. Os programas em áudio já receberam aporte de US$ 500 milhões da empresa, que agora anunciou outra grande aquisição, a produtora Parcast.

Responsável pela criação de 18 programas, a Parcast foca na produção de ficções – como o Mind’s Eyes – e programas que contam histórias reais de crimes e criminosos. Outra vantagem da aquisição é que 75% dos ouvintes da produtora é feminino, público que o Spotify pretende fidelizar. Não foram divulgados os valores da compra, que deve ser concluída no final de junho.

A Parcast foi fundada em 2016 e tem hoje dois estúdios e 20 funcionários. Sete de seus programas estrearam entre o top-3 de podcasts mais escutados do Apple Podcasts. “Programas de crime e mistério é um dos gêneros favoritos de nossos usuários, e a Parcast teve grande sucesso criando séries de sucesso”, explicou o chefe de conteúdo da Spotify em comunicado, Dawn Ostroff.

Compartilhar