A Black Friday, evento tradicional nos Estados Unidos e importado pelo Brasil, acontece nessa sexta-feira (23), e os consumidores vão ter mais tempo para aproveitar todas as ofertas em Salvador. Isso porque, diversos shoppings e mercados da capital baiana vão ampliar o horário de funcionamento para não deixar ninguém de fora dos descontos.

No ramo dos supermercados e atacados, as lojas do GBarbosa Costa Azul e Iguatemi abririam à meia noite desta quinta-feira (22) e só fecham às 22 horas de sexta (23).  As demais abrem uma hora mais cedo, às 6h, e fecham mais tarde, às 22h.

As lojas da rede Walmart também funcionam em horário especial desde quinta-feira: Todo Dia (7h-20h), Sam’s Club (8h-22h), Maxxi (7h-20h), Walmart (6h-00h), Bompreço e Hiper Bompreço (7h-22h). A rede Extra vai antecipar as compras, com descontos a partir das 20h da quinta-feira. As lojas da Vasco da Gama, Paralela e Rótula do Abacaxi seguem com os preços especiais até às 0h de sexta.

Todas as lojas do Mercantil Rodrigues abrem uma hora mais cedo, às 6h da manhã, mesmo horário de funcionamento da Perini, com exceção da loja do Costa Azul que abre à meia-noite desta quinta e só fecha às 22h de sexta. A Ferreira Costa funciona das 7h às 21h desta sexta.

A loja das Casas Bahia da Av. Sete de Setembro também vai antecipar as vendas da Black Friday, com ofertas a partir desta quinta, entre 11h e 19h. Na sexta-feira (23), a loja abre das 07h às 19h.

Shoppings
Os consumidores vão aproveitar para adiantar os presentes de fim de ano. A previsão é que a data movimente R$ 92 milhões em toda a Bahia e 50% deste valor em Salvador – R$ 46 milhões.

Os números são do Sindicato dos Lojistas (Sindilojas) e da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL) e, de acordo com os órgãos, as vendas de novembro devem crescer 3% na Bahia por causa do evento.

O Shopping Bela Vista adotou o horário diferenciado para a Black Friday, quando lojas, praça de alimentação e espaços de lazer vão funcionar entre 9h e 23h desta sexta-feira. Já o Shopping Center Lapa antecipou a data de descontos para esta quinta, quando os produtos ficam até 50% mais baratos. O horário de funcionamento também mudou: das 8h às 21h, na sexta, entre 8h e 20h, no sábado, e das 10h às 18h no domingo. Especificamente sobre o domingo, ocorre nesta quinta-feira uma reunião entre o Sindilojas e o Sindicato dos Comerciários em busca de um novo acordo para a abertura aos domingos e feriados.

Mesmo assim, os shoppings divulgaram seus horários, prevendo a abertura nesse domingo.

Os descontos nos Shoppings Salvador e Salvador Norte podem chegar até 70% por causa da Black Friday, e os clientes, além da redução dos preços, vão ganhar mais um incentivo: sorteios. Na sexta-feira, os shoppings começam a funcionar às 8h (uma hora antes do horário convencional) e só encerram as atividades às 23h (uma hora depois do habitual). No sábado e domingo, os centros de compras mantêm os horários habituais de funcionamento.

O Shopping da Bahia vai abrir na sexta-feira entre 7h e 22h, também com descontos especiais para os amantes da Black Friday. Com a abertura dos portões uma hora mais cedo, às 7h, o Shopping Piedade não quer perder um segundo sequer das ofertas, que seguem até as 21h.

Outro estabelecimento que vai abrir mais cedo é o Outlet Premium, na Estrada do Coco. Nesta quinta-feira, o local fica aberto das 8h às 22h, enquanto na sexta as ofertas começam às 9h e vão até as 22h.

E a tradicional Black Friday do Shopping Barra vai durar três dias. Entre sexta-feira e domingo, as lojas oferecem descontos de mais de 70% e ficam abertas entre 8h e 23h, na sexta-feira; das 9h às 22h, no sábado; e entre 12h e 21h, no domingo.

O Procon da Bahia, órgão responsável por defender o direito dos consumidores, também está de olho na Black Friday para que não ocorram abusos  por parte dos comerciantes. Segundo o diretor de fiscalização, Iratan Vilas Boas, no evento de 2016 foram 21 lojas notificadas e em 2017, 11. “Esperamos que neste ano o número de notificações seja menor ainda”, declarou.

Compartilhar