O estado do Amazonas foi autorizado a contratar um empréstimo de US$ 200 milhões com o Banco Internacional para a Reconstrução e Desenvolvimento (Bird).

O empréstimo foi aprovado pelo plenário do Senado, na noite dessa quarta-feira, 1º, e tem a garantia da União.

Os recursos deverão ser aplicados no Pro-Sustentável, programa do governo amazonense que abrange ações de recuperação fiscal e investimentos sociais.

Entre elas, estão o controle da dívida pública, a renovação do Portal de Transparência do estado, a ampliação do Bolsa Floresta (programa de estímulo à conservação ambiental) e investimentos em saúde.

Compartilhar