Secretarias e órgãos públicos municipais que estavam suspensos por conta da pandemia voltarão a funcionar a partir da segunda-feira (31), anunciou neste sábado o prefeito ACM Neto, em coletiva virtual. Com isso, funcionários e estagiários que estavam em casa devem voltar ao serviço, exceto quem faz parte de grupos de riscos, que deverá continuar com trabalho remoto. “Não queremos expôr ao risco essas pessoas. Se a pessoa tiver que fazer trabalho presencial deve se cercar de todos os cuidados e isso apenas em caráter especial”, ressaltou.

“Estamos instruindo, orientando, treinando todos nossos dirigentes para que eles sejam fiscais e cada servidor deve ser fiscal de si mesmo e do colega”, afirmou Neto.

O restabelecimento das atividades que têm atendimento ao público está previsto para 8 de setembro e servidores e espaços passarão por uma preparação antes disso. Com isso, as prefeituras-bairro não voltam a funcionar nesta próxima semana, como chegou a anunciar o prefeito. “Estamos querendo um pouco mais de tempo para a preparação”, explicou o prefeito.

Nesses locais que recebem público, quando possível, serão instaladas barreiras de separação física entre o atendende e o frequentados. Se não for possível, o servidor estará usando uma máscara do tipo face shield, para proporcionar maior proteção.

A Secretaria Municipal de Educação(Smed) continuará em regime extraordinário de trabalho, das 8h às 14h, sem interrupção, enquanto não houver definição de retomada do ano letivo.

Medidas
As repartições pública terão protocolos com medidas gerais que valem para todos os órgãos e secretarias, como o uso obrigatório de máscaras para entrar e sair, aferição de temperatura nos acessos, distanciamento de 1,5m ou, quando não for possível, adoção de barreiras físicas ou utilização de máscaaras face shield.Outra alternativa será o revezamento de servidores caso não seja possível o distanciamento. Reuniões remotas devem continuar a sendo priorizadas em relação ás presenciais. Dispensadores de álcool em gel serão espalhados pelos locais e a limpeza acontecerá de maneira mais frequente.

No caso das repartições que trabalham diretamente com o público, a ocupação máxima deverá corresponder a uma pessoa a cada nove metros quadrados, como acontece em shoppings e outros comércios do tipo.

Servidores que sentirem sintomas da covid-19 devem reportar ao chefe imediato. Se passarem por atendimento médico, devem encaminhar o atestado para o e-mail atestadodigital.gripe@salvador.ba.gov.br. Se o funcionário tiver tido contato com alguém contaminado ou confirme que está com a covid-19, deve ser afastado e cumprir isolamento domiciliar.

Servidores do grupo de risco devem apresentar relatório médico que comprove a condição e realizar atividades remotas ou sem contato com o público.

No caso dos órgãos que possuam refeitório, o distanciamento mínimo entre os servidores nesses espaços deverá ser de 2m, com lotação reduzida a 30% da capacidade do local. Sobre o uso de carros oficiais, a utilização da máscara será obrigatória, e a recomendação é que o ar-condicionado não seja utilizado, priorizando a ventilação natural.

Compartilhar