A nova diretoria do Serviço de Apoio a Micro e Pequena Empresa (Sebrae-BA) e os representantes do Conselho Deliberativo Estadual (CDE) tomaram posse no novo cargo ontem à noite, no salão de eventos da Casa do Comércio. Eleitos por unanimidade, Jorge Khoury se manteve como superintendente do Sebrae no estado, enquanto o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-BA), Carlos Andrade, assumiu a presidência do CDE.

Os representantes ocuparam os cargos pelos próximos quatro anos. Também foram empossados Franklin Santana Santos, como diretor técnico, e José Cabral Ferreira, que responderá pela diretoria administrativa-financeira. A cerimônia contou com a presença do vice-governador do estado, João Leão, além de outras autoridades.

Jorge Khoury (terceiro à direita) fica a frente da superintendência do Sebrae-BA por mais 4 anos
(Foto: Arisson Marinho)

 Segundo o superintendente do Sebrae-BA, Jorge Khoury, a marca da gestão para o próximo quadriênio será dar continuidade ao trabalho de aproximação com o empreendedor, sobretudo, com o suporte da tecnologia.

“Estamos nos aparelhando para este novo momento. Se fala muito de inovação, tecnologia da informação, mas a gente ainda precisa se estruturar para avançar neste novo tempo. Já estamos trabalhando, por exemplo, na criação de aplicativos que substituam as capacitações presenciais. Isso reduz custos e cria as condições de superar as dificuldades de trazer o empreendedor para o Sebrae”.

O presidente da CDE e da Fecomércio, Carlos Andrade,   acrescenta a interiorização do Sebrae como um desafio. “Inicialmente o que temos que fazer é trabalhar forte nos pequenos municípios e aumentar a participação do Sebrae no interior.  Utilizar a tecnologia disponível, vai nos ajudar muito nesse processo de engajamento”.

Para o vice-presidente da CDE e presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), Ricardo Alban, o cenário de mudanças pede uma união de todos os setores. “É um processo de continuidade. O conselho sempre trabalhou bastante integrado. O Brasil seguramente vai enfrentar inúmeras mudanças e nós precisamos caminhar juntos e o Sebrae está preparado para isso”, destacou.

Compartilhar