A produção de grãos teve queda de 11% no oeste da Bahia, em 2019, segundo informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o IBGE, em 2018, foram produzidos 9.323.119 toneladas de grãos e no ano passado, a safra ficou em 8.283.660 toneladas. As principais reduções foram registradas nas lavouras de soja e de milho.

Os produtores de soja colheram 15% a menos do que foi produzido em 2018. Já a queda na produção do milho foi de 30%.

Segundo o consultor agrícola da Associação dos Agricultores da Bahia, Luís Sthalke, a redução aconteceu por causa do clima mais quente durante 2019.

“Realmente a gente teve uma queda na produtividade por estiagem, no caso específico do oeste da Bahia, foi em janeiro, que teve 30 dias com falta de chuva, que reduziu a média [de produção]. Até o meado de dezembro a gente tinha um potencial produtivo muito grande para se igualar até a safra anterior, mas com a estiagem muito elevada bem no momento crítico resultou na queda”, explicou o consultor agrícola.

Já a safra de Algodão cresceu 19,7% em relação a 2018 e ficou em 1.494.000, em 2019.

“Se a gente tiver chuva pela frente a gente pode igualar ou chegar perto da nossa melhor safra, mas ainda é cedo para a gente dar um número para ser atingido”, disse Luís Sthalke.

Compartilhar