O deputado estadual Robinson Almeida (PT) acredita que o partido está lento no processo de escolher o nome para disputar a prefeitura de Salvador em 2020. Segundo ele, a base do governador Rui Costa (PT) deverá ter três candidatos. “Pelo meu gosto o PT já deveria ter definido o candidato. Mas o PT tem o seu tempo”, disse, na manhã de ontem, durante evento em que o governador Rui Costa (PT) assinou o termo de compromisso que formaliza a contratação de 2.626 estudantes universitários para o programa Partiu Estágio.

Para o parlamentar, Rui é que deverá conduzir o processo. “Rui é o líder natural do nosso projeto, ouvindo lideranças importantes, como o senador Jaques Wagner e os presidentes dos outros partidos. Acredito em três candidaturas na base do governo Rui. É uma eleição de dois turnos. Estou aguardando o processo de afunilamento do PT, que deve ser feito junto com a definição da estratégia do grupo. O PT tem que acelerar, definir o nome”, acrescentou. Até o momento, o PT tem seis pré-candidatos ao Palácio Thomé de Souza, incluindo o próprio Robinson, Nelson Pelegrino e Jorge Solla.

Por sua vez, com o nome especulado para disputar a prefeitura de Salvador, caso o deputado federal Nelson Pelegrino (PT) não entre na disputa, a vereadora Marta Rodrigues (PT) afirmou que as especulações têm caráter machista, uma vez que ela tem sido encarada como a coadjuvante de um homem no processo.

“Sempre falamos do machismo, racismo, da luta feminista… A forma como se vem colocando, de que Pelegrino vai sair e Marta vai entrar, é uma herança do machismo. Porque para uma pessoa se posicionar, entrar numa disputa, precisa um homem sair para uma mulher entrar. As coisas não acontecem dessa forma. E o PT já tem seis nomes, aprovamos dia 16 de outubro que o PT terá candidato em Salvador”, disse, durante evento em que o governador Rui Costa (PT) assinou o termo de compromisso que formaliza a contratação de 2.626 estudantes universitários para o programa Partiu Estágio. Ainda de acordo com Marta, sua intenção até o momento é focar na busca pela reeleição à Câmara Municipal.

Compartilhar