O PlayStation 5 está cada vez mais próximo de chegar ao mercado, e com isso a Sony enfim começou a divulgar uma série de detalhes sobre seu console de nova geração. A gigante japonesa surpreendeu a todos quando liberou mais cedo o primeiro teardown do videogame, detalhando seu engenhoso sistema de refrigeração, confirmando a possibilidade de remoção de suas laterais e demonstrando a maneira com que o upgrade de armazenamento pode ser feito.

Equipado com o que há de mais avançado no portfólio de hardware da AMD no momento, o PlayStation 5 vem equipado com um processador Zen 2 de 8 núcleos e 16 threads rodando a até 3,5GHz, GPU de 36 Unidades Computacionais baseada na arquitetura RDNA 2 rodando a até 2,23GHz, 16GB de RAM GDDR6 e armazenamento SSD de 825GB com velocidade de leitura de até 5,5GB/s, que pode aumentar para 9GB/S quando os dados estão comprimidos.

Em resumo, o console é extremamente poderoso, atingindo poder computacional de 10,28TFLOPs, o que na prática é potência suficiente para rodar boa parte dos jogos em 4K a 60FPS. No entanto, um outro benefício já confirmado pela Sony (e pela Microsoft com seu Xbox Series X) é a capacidade de elevar a taxa de quadros além do padrão, atingindo os 120FPS em jogos selecionados.

Até o momento, cinco games já foram confirmados para possuir suporte a reprodução em 120FPS, com pelo menos 3 deles já sendo disponibilizados para a nova geração em novembro. Confira:

Mais jogos devem ser anunciados nas próximas semanas. O PlayStation 5 será lançado no Brasil no dia 19 de novembro e já pode ser adquirido na pré-venda por R$4.499 em sua versão digital e R$4.999 em seu modelo padrão. O console já teve retrocompatiblidade confirmada, devendo suportar 99% dos games de PS4, e contará ainda com uma ampla biblioteca de títulos da atual geração no lançamento através do PlayStation Plus Collection.

Compartilhar