Num duro pronunciamento sobre a candidatura do PT, o cientista social Ademário Costa, empossado ontem presidente da legenda em Salvador, disse que não pretende fazer um convite ao presidente do Esporte Clube Bahia, Guilherme Bellintani, para que ele entre no partido e possa concorrer à Prefeitura de Salvador.

Segundo ele, as pessoas têm que pedir para entrar nos partidos políticos. “Fico muito feliz de ver que o PT está no centro do debate político da cidade, mas todo cidadão que quiser incorporar a bandeira do Lula Livre, que quiser incorporar a bandeira da luta de classes e do desprivatizar a cidade do Salvador pode pedir filiação ao PT. Não cabe a gente fazer este debate”, afirmou, ao chegar na solenidade de sua posse, no Sindae.

Compartilhar