A Rua Sabino Silva, uma das principais vias de acesso à orla de Salvador no trecho Barra/Ondina, principalmente em grandes eventos como o Carnaval, vai passar por uma profunda requalificação promovida pela Prefeitura. A primeira etapa da intervenção, que consiste na implantação de um novo sistema de drenagem, foi iniciada nesta quarta-feira (4), após assinatura da ordem de serviço pelo prefeito ACM Neto, no próprio local.

Com recursos municipais totalmente assegurados da ordem de R$4,1 milhões e conclusão estimada em cinco meses, as obras serão realizadas em uma extensão de 2km – 1km para cada via. O projeto foi desenvolvido pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) e a execução será supervisionada pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), através da Superintendência de Obras Públicas (Sucop).

Primeira etapa

O prefeito ressaltou que a primeira etapa da requalificação é preparatória e extremamente importante para a região, que possui forte caráter residencial e comercial e sofre com constantes alagamentos no período de chuva. Isso porque a Sabino Silva está localizada na parte baixa de ruas – em período chuvoso, a águia pluvial desses locais acaba desaguando na via, que fica sobrecarregada. “O investimento resultará em uma mudança radical na base e sub-base para acabar com esses alagamentos”, pontuou ACM Neto.

Segunda etapa

Já a segunda etapa da requalificação da Sabino Silva é composta por urbanização e será realizada com recursos federais. Neste momento, a Prefeitura aguarda apenas a liberação do montante pela Caixa Econômica para licitação da obra.

“Esta etapa, que deverá ser realizada na próxima gestão, resultará em um novo visual da Sabino Silva. Esse projeto, inclusive, foi discutido em detalhes com a comunidade. O melhor de tudo é que os recursos já estão assegurados, ou seja, a obra começa agora e o próximo prefeito vai estar com dinheiro em caixa para continuar e inaugurar a Sabino Silva”, completou o prefeito.

Esta segunda etapa possui tempo previsto de obra de seis meses e prevê a criação de um espaço para melhorar a circulação de pedestres e ciclistas. A proposta visa valorizar a via e distribuir o fluxo para o acesso aos bairros de Jardim Apipema e Morro do Gato.

O canteiro central receberá ciclovia em faixa contínua, passeios em placas de concreto pré-moldado e paisagismo. Toda a via terá iluminação em LED e o entorno será requalificado com criação de rampas e faixas para pedestres, áreas de convivências, áreas verdes, parques infantis, bancos, bicicletário, lixeiras, balizadores, guarda corpo, abrigo de ônibus e passeios em concreto lavado.

Compartilhar