Entra em vigor, na sexta-feira (3), um decreto assinado pelo prefeito ACM Neto que obriga os bancos de Salvador a organizarem filas respeitando a distância mínima de um metro e meio entre os clientes, no ambiente interno e externo das agências. O anúncio do decreto, que é mais uma medida para evitar a contaminação pelo coronavírus, foi feito nesta quinta-feira (2).

Será de responsabilidade das agências estabelecer sinalizações horizontais ou demais ferramentas que disciplinem a fila para evitar aglomerações, diminuindo o risco de contágio do coronavírus.

Os bancos que descumprirem a determinação serão interditados e terão as atividades suspensas.

As agências que funcionam em shoppings ou similares que são credenciadas para pagamento de benefícios municipais, estaduais ou federais poderão funcionar para atendimento aos beneficiários, desde que acordado com os estabelecimentos.

Essas agências também serão responsáveis por promover o distanciamento.

Compartilhar