O soldado Marcos Almeida Silva, 39 anos, baleado na cabeça durante uma tentativa de assalto no Trobogy, morreu na sexta-feira (18) no Hospital Geral do Estado (HGE), confirmou a Polícia Militar.

Marcos era lotado na 39ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Boca do Rio). Ele estava na PM há 12 anos. O corpo do soldado será sepultado hoje às 15h30 no Cemitério Bosque da Paz.

Marcos foi baleado no último domingo (12), quando reagiu a uma tentativa de assalto perto do condomínio Paralela Park. Joseane de Oliveira Santos, que estava com ele, também foi ferida. Não há informação sobre o estado de saúde dela.

De acordo com informações da 50ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Sete de Abril), por volta das 16h, dois homens armados tentaram roubar o estabelecimento onde eles estavam e o policial reagiu. Ele atingiu um dos criminosos, que morreu no local. Os feridos foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O segundo suspeito conseguiu fugir.

Compartilhar