Quinto colocado do ranking peso-galo do UFC, Pedro Munhoz terá um confronto importante para sua caminhada pelo cinturão neste sábado. O brasileiro vai encarar o veterano ex-campeão peso-leve Frankie Edgar, que fará sua estreia na categoria até 61,2kg – esta é a segunda vez em que o americano desce de divisão no Ultimate.

O duelo sofreu quatro mudanças de data, a principal delas pelo fato de Munhoz ter testado positivo para Covid-19 em julho. Em entrevista ao Combate, ele disse estar contente com a data final da luta e por fazer o evento principal da noite.

Pedro Munhoz na pesagem de sua última luta: brasileiro é o quinto colocado do ranking dos pesos-galos — Foto: Jeff Bottari/Getty Images

Pedro Munhoz na pesagem de sua última luta: brasileiro é o quinto colocado do ranking dos pesos-galos — Foto: Jeff Bottari/Getty Images

– Eu gostei. De tudo o que houve, acabou indo para um lado melhor. A gente ia fazer a luta co-principal e agora está em um evento aqui em Vegas, do lado da minha casa, quatro horas e meia de voo, não vou precisar viajar até Abu Dhabi. Claro que eu iria sem problema nenhum, mas é melhor essa possibilidade de lutar perto, de ter três horas só na troca de fuso horário do que 16. Fora isso, ter a visibilidade de ser a luta principal.

Munhoz vem de uma derrota por decisão unânime para o jamaicano Aljamain Sterling em agosto do ano passado. O resultado negativo interrompeu uma sequência de três vitórias do lutador paulista. Ele criticou o estilo de seu último oponente e apostou em um embate diferente para o próximo sábado.

– Meu estilo de luta é agressivo, parecido com o dele (Frankie Edgar). Não sei o que vai acontecer, mas sei que ele fornecendo uma luta (agressiva) e eu aqui em outra mão fornecendo o combate também, a gente tem um combate bem excitante. Melhor do que um cara evitando a luta, tentando ser mais pontuador e só o outro cara buscando a luta, como foi a minha última, fica meio chata.

O brasileiro conta que gostava de acompanhar Frankie Edgar antes mesmo de começar no MMA, justamente pelo estilo agressivo que rendia lutas emocionantes. O americano está no UFC desde 2007, enquanto Munhoz fez seu primeiro duelo nas artes marciais mistas em março de 2009. Apesar disso, o paulista de 33 anos diz que não se inspirava em Frankie, mas sim em José Aldo.

Frankie Edgar foi campeão dos pesos-leves do UFC entre 2010 e 2012 — Foto: Evelyn Rodrigues

Frankie Edgar foi campeão dos pesos-leves do UFC entre 2010 e 2012 — Foto: Evelyn Rodrigues

Hoje, 11 anos depois e com 18 vitórias e apenas quatro derrotas no currículo, Munhoz acredita que uma vitória no sábado o coloca na mira das próximas disputas de título entre os galos. O cinturão hoje pertence ao russo Petr Yan, que nocauteou José Aldo em julho deste ano, na Ilha da Luta.

– Eu acredito que sim (fica perto do cinturão). É um ex-campeão, uma lenda viva do esporte vindo da categoria de cima (Frankie Edgar)… Minha última luta foi bem parelha com o cara que possivelmente vai lutar pelo cinturão. Acredito que me coloca com uma visibilidade maior na disputa do título. Mas eu foco nessa luta, depois a gente começa os preparativos para ver qual vai ser o próximo passo.

Combate transmite o “UFC: Munhoz x Edgar” ao vivo e com exclusividade neste sábado a partir das 18h30 (horário de Brasília). O SporTV 2 e o Combate.com exibem o “Aquecimento Combate” e as duas primeiras lutas do card preliminar ao vivo, e o site acompanha o torneio inteiro em Tempo Real.

UFC Munhoz x Edgar
22 de agosto de 2020, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL (21h30, horário de Brasília):
Peso-galo: Pedro Munhoz x Frankie Edgar
Peso-meio-pesado: Ovince St.Preux x Alonzo Menifield
Peso-meio-pesado: Marcin Prachnio x Mike Rodriguez
Peso-mosca: Mariya Agapova x Shana Dobson
Peso-meio-médio: Daniel Rodriguez x Takashi Sato
CARD PRELIMINAR (18h30, horário de Brasília):
Peso-palha: Amanda Lemos x Mizuki Inoue
Peso-leve: Austin Hubbard x Joe Solecki
Peso-meio-médio: Dwight Grant x Calen Born
Peso-meio-pesado: Ike Villanueva x Jordan Wright
Peso-meio-médio: Carlton Minus x Matthew Semelsberger
Peso-galo: Timur Valiev x Mark Striegl

Compartilhar