Passageiros do metrô de Salvador se revoltaram ao ver que um vagão do trem foi reservado para alunos de um colégio particular na última terça-feira (19). Fotos, vídeo e áudio a respeito do vagão reservado e do apinhados de gente circularam nas redes sociais e causaram polêmica.

Foto: ReproduçãoÀ direita, vagão reservado para os alunos do colégio, bem mais folgado que a cabine seguinte. (Foto: Reprodução)

No áudio divulgado, uma passageira diz que a escola particular tinha reservado dois vagões “enquanto meio mundo de gente de estava atolado nos outros vagões, enquanto três seguranças estavam entre a passagem para não deixar ninguém passar para o outro lado”, completou em tom de indignação.

Em nota, a concessionária que administra o metrô de Salvador, a CCR, informou que apenas um vagão foi reservado e de que o fato se tratava de uma visita institucional, que faz parte do programa “Nos Trilhos da CCR Metrô Bahia”, “que recebe pessoas interessadas em conhecer melhor o sistema metroviário, seus bastidores e curiosidades”.

A empresa informou que quando a visita aos trens do metrô acontece, apenas o vagão da frente é reservado. “A visita é acompanhada por colaboradores da empresa e realizada duas vezes por semana, em horários alternativos aos de pico. Os usuários também são avisados por alertas sonoros”, acrescentou a CCR.

Compartilhar