A emoção da líder comunitária Valdízia Freitas era evidente. Filha de Candeias, mas moradora de Tubarão, no Subúrbio Ferroviário, há mais de 15 anos, ela estava presente na inauguração nesta terça-feira (27) do posto de saúde do bairro.

“Foi como ter um filho. Engravidei, esperei o tempo da gestação e agora estou vendo minha criança, aqui na minha frente. É isso que esse posto representa. Essa comunidade era uma área de desova, onde só acontecia miséria. Eu lutei, ocupei e busquei garantir espaços para empreendimentos comunitários como esse daqui. É o primeiro de todos e fica na história”, comemora a líder comunitária.

A luta foi retificada pelo zelador Carlos Augusto Santos. Aos 45 anos, ele não é morador do bairro como dona Valdízia, mas habita na região, no bairro de São Tomé de Paripe, “desde que se entende por gente”. A inauguração do posto foi definida como um alívio pelo zelador, que acredita que o posto vai desafogar a saúde na região.

Com seus 592 metros quadrados, o novo posto tem nove consultórios – seis deles de atendimento médico. Também possui três salas de atendimento odontológico e salas de vacina, curativo, coleta de exames laboratoriais e dispensação de medicamentos. Toda estrutura vem acompanhada de uma visão paradisíaca. Bem em frente à praia, com visão privilegiada da Baía de Todos os Santos.

Juci Mary da Silva Azevedo, Cleide Alves de Jesus e Ana Maria Souza Costa são marisqueiras e trabalham na frente do posto 
(Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO)

Além de oferecer beleza para os visitantes, as águas do mar de Tubarão também são responsáveis pelo sustento de mulheres como Juci Mary da Silva Azevedo, Cleide Alves de Jesus e Ana Maria Souza Costa. Todas as três são marisqueiras e trabalham bem em frente ao posto. “Estamos felizes com a inauguração. Agora é ficar de olho e saber se vai funcionar direito, né?”, comemora Juci Mary.

O novo posto terá capacidade para atender 545 pessoas por dia. Foram investidos R$ 1.461.839,72 para atender de forma adequada os pacientes cadastrados nos programas de hipertensão, diabetes, pré-natal, planejamento familiar, crescimento e desenvolvimento infantil, tuberculose e hanseníase.

Prefeito de Salvador, ACM Neto afirmou que o Subúrbio é uma prioridade da atual gestão municipal e garantiu que durante os próximos três meses a cidade vai contar com a inauguração de um posto de saúde por semana. Ainda estão previstas as inaugurações de duas Unidades de Saúde da Família no Subúrbio: localizadas na Vila da Fraternidade e a Teotônio Vilela. Ambas deverão ser entregues em 2019. Com as novas instalações, a cobertura à atenção básica chegará a 81% na cidade. Hoje, o percentual é de 71%, segundo a Secretaria Municipal da Saúde.

Compartilhar