A eliminação do Brasil para a Bélgica, nas quartas de final da Copa do Mundo de 2018, foi dolorida para os torcedores, e também para os jogadores da seleção. Em entrevista ao canal Fui Clear, Neymar falou sobre a derrota por 2×1, e afirmou que vê o resultado como injusto.

“Na minha opinião, jogamos melhor. Perdemos duas, três bolas, que eles acabaram fazendo o gol. Teve pênalti no Jesus (não marcado)”, disse.

“Aquela derrota me machucou muito. Me machucou de verdade. Fiquei uma semana em casa sem sair. Não queria ver ninguém. Mas isso acontece. Faz parte do futebol”, completou.

O camisa 10 também comentou sobre as chances da seleção na próxima Copa do Mundo, que será disputada entre novembro e dezembro de 2022, no Catar. Para Neymar, o elenco está mais preparado mentalmente.

“Acredito que essa seja uma Copa para surpreender, a gente sabe o quão é difícil ganhar uma Copa. É o meu sonho maior. Acho que a gente está se preparando, temos uma boa equipe, temos um bom treinador. Estamos nos preparando cada vez mais para que a gente possa nos ajustar”, comentou.

Compartilhar