“Ele não era tio, era pai. Ele me deu minha primeira bicicleta”, relembra Vinícius Sucupira, sobrinho do humorista José Luiz Almeida da Silva, mais conhecido como Jotinha.

Jotinha estava internado desde a última terça-feira (3), em um hospital particular de Santo Antônio de Jesus, após apresentar problemas respiratórios. Ele foi submetido ao exame de Covid-19 e o resultado foi positivo. Jotinha morreu após falência múltipla de órgãos em consequência do novo coronavírus.

De acordo com Vinícius, Jotinha a previsão era de que Jotinha fosse sepultado às 8h30 de sexta-feira (6), no cemitério da cidade de Elísio Medrado, onde nasceu e morava. Porém, como a família teve contato com o humorista, eles vão precisar passar por testagem da Covid-19 e não devem sair de casa. A cerimônia estava programada para ser realizada com caixão lacrado, sem a presença dos familiares.

“O pessoal aqui da cidade se disponibilizou a nos ajudar, A funerária levou o caixão lacrado para o cemitério. Está sendo difícil para todos, ele era muito querido na cidade. O mais difícil é a despedida, foi duro pra mim esses dias que estive no hospital com ele”, revela o sobrinho do humorista.

Vida e planos

Humorista ficou conhecido nacionalmente por seus bordões e áudios publicados nas redes sociais — Foto: Instagram | Reprodução

Humorista ficou conhecido nacionalmente por seus bordões e áudios publicados nas redes sociais — Foto: Instagram | Reprodução

Compartilhar