Representantes dos motoristas de aplicativos da Bahia estiveram em reunião, na manhã desta segunda-feira (13), com o secretário de Mobilidade de Salvador (Semob), Fábio Mota, e com superintendente de Trânsito de Salvador (Transalvador), Fabrizzio Muller, para discutir um planejamento especial de funcionamento dos aplicativos durante as festas populares, sobretudo o Carnaval 2020.

O encontro foi solicitado pelo Sindicato dos Motoristas por Aplicativos e Condutores de Cooperativas do Estado da Bahia (Simactterba), representado pelo presidente da entidade, Átila do Congo. De acordo com o sindicato, a reunião levantou questões relativas aos pontos de parada de motoristas, principal demanda da categoria para as festas.

Conforme a entidade, foi solicitado aos órgãos o desenvolvimento de uma análise que determine os melhores locais para busca de passageiros que utilizam o transporte por aplicativos. O sindicato pediu ainda que esses locais devem seguir o mesmo critério adotado para as outras categorias de transporte como: ser próximo do circuito, seguro e com sinalizações claras.

Em conversa por telefone, o secretário Fábio Motta informou que Semob e Transalvador farão o levantamento dos pontos de embarque e desembarque.

“Nós vamos oferecer os locais, mas não serão nas vias exclusivas de táxi, essas continuam sendo apenas para táxis”, explicou.

Um novo encontro foi marcado para a próxima terça-feira (21), quando será apresentado o plano de tráfego pensado para os motoristas de app. “Vamos trabalhar para que esse documento contenha os melhores locais para os motoristas por aplicativo e estamos abertos para sugestões da categoria”, disse o presidente do Simactterba, Átila do Congo.

Compartilhar