Por Katleen da Cruz Conceição


Para começar, vamos explicar o que são miliums.

Miliums são pequenos caroços brancos que aparecem mais comumente no nariz, no queixo ou nas bochechas, principalmente em pessoas com pele oleosa. Eles podem ocorrer em recém-nascidos e idosos.

Os carocinhos podem ser confundidos com a acne, já que são pequenos cistos que contêm a proteína queratina. O milium se desenvolve quando aglomerados de células mortas ficam presos abaixo da pele, formando essas bolinhas.

Ele se manifesta sob duas formas clínicas: milium primário e milium secundário:

  • Milium primário: ocorre geralmente nos recém-nascidos, principalmente no nariz. Aparece em aproximadamente 50% dos recém-nascidos e desaparece em alguns dias.
  • Milium secundário: pode ser encontrado em qualquer parte do corpo, também após traumas e em muitas doenças de pele, incluindo o penfigoide bolhoso, epidermólise bolhosa, líquen plano bolhoso, a porfiria cutânea tarda e queimadura.

A boa notícia é que os miliums podem ser retirados através da extração na limpeza de pele. O tratamento do milium pode ser feito com cremes esfoliantes, limpeza de pele, peeling de diamante ou peeling de cristal, peelings químicos, uso local de ácido retinoico e retirada cirúrgica, que é muito simples e rápida.

Mas ressalto que os carocinhos podem voltar quando a pele se apresenta com muitas impurezas e está oleosa, e lembrando que ele é inofensivo, as pessoas devem retirar, caso queiram, somente aspecto indesejável estético.

Ainda não se sabe exatamente as causas do milium, mas especialistas suspeitam que os cistos sejam causados pelo entupimento de glândulas sebáceas e sudoríparas pelas células mortas da pele.

Para preveni-los, evite o uso de corticoides tópicos, a exposição solar e mantenha uma rotina diária de limpeza da pele.

Compartilhar