Após assediar uma vendedora , o médico e influenciador brasileiro, Victor Sorrentino, foi preso em Luxor, no Egito, neste domingo, 30. O médico registrou o momento em um vídeo e ainda publicou nas redes sociais. A prisão foi confirmada pelo Ministério do Interior egípcio.

Nas imagens, Sorrentino pergunta, em português, para a vendedora “vocês gostam mesmo é do bem duro, né? Comprido também fica legal, né?”. Sem entender, a mulher responde com um gesto de sorriso. Após o vídeo repercutir nas redes sociais, Sorrentino privou o perfil no Instagram.

O Ministério do Interior do Egito publicou, nas redes sociais, a denúncia contra o brasileiro afirmando ter tomado as medidas necessárias e informando que qualquer cidadão egípcio pode denunciar um estrangeiro.

Victor Sorrentino é conhecido por defender o tratamento precoce contra a covid-19 com medicamentos como a cloroquina. Tratamento este, que não tem estudos conclusivos de eficácia contra o coronavírus.

Compartilhar