A empresa M. Dias Branco, dona da marca de biscoitos Vitarella e Fortaleza, anunciou a doação de R$ 2,4 milhões que serão destinados aos hemocentros de seis estados, incluindo a Bahia, para ajudar nas pesquisas de hematologia voltadas ao tratamento de pacientes com covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus. De acordo com a empresa, a ideia é também fazer aumentar a doação de sangue e que, além dos recursos, também doará alimentos.

Para cada bolsa de sangue arrecadada, serão destinados 500 produtos das marcas da M. Dias Branco a entidades de apoio social nos estados da Bahia, Pernambuco, Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

A companhia anunciou que também mobilizará as plataformas de mídias sociais de suas principais marcas para engajar e conscientizar seus clientes sobre a importância das doações de sangue. “A doação de sangue é um serviço essencial para inúmeras enfermidades e, por isso, escolhemos apoiar esta causa”, explicou Fábio Melo, diretor de Marketing da M. Dias Branco.

“Queremos colocar nossas marcas a serviço da sociedade, apoiando financeiramente os hemocentros e, também, estimulando a doação. Quem procurar um dos bancos de sangue apoiados pelas marcas, com os cuidados recomendados pelas autoridades de saúde, fará uma doação dupla: a de sangue e a de alimentos para uma entidade social”, ressaltou.

A primeira marca a formalizar a doação é a Fortaleza, que destinará recursos ao Hemoce, principal hemocentro do Ceará. Os recursos serão destinados também a hemocentros de Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Bahia por meio das marcas Vitarella, Adria, Piraquê e Isabela, respectivamente.

Compartilhar