Vários ambulantes formam uma enorme fila na porta da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), no bairro da Mata Escura, em Salvador, nesta segunda-feira (20), para tentar fazer o cadastramento para trabalhar nas festas populares da capital baiana, como Iemanjá, a lavagem de Itapuã, além do Fuzuê e do Furdúncio.

Os portões do Secretária foram abertos por volta das 7h30 desta segunda. O cadastro, que começou nesta segunda segue até sexta-feira (24), das 8h as 17h. Apesar disso, muitos ambulantes chegaram no local no domingo (19). O resultado, foi uma fila quilométrica.

“Eu vim para cá ontem, as 13h, e estou até a agora. Eu vim fazer o cadastramento para Iemenjá. Mas ainda não deram informação nenhuma. Estamos aguardando”, disse a vendedora Ana Cristina.

Um outro vendedor ambulante, que chegou ao local nesta manhã, contou que além da festa de Iemanjá, ele quer trabalhar no Fuzuê e Furdúncio.

“Eu vim do Cabula. Cheguei cedo, mas estou no final da fila. Eu vim tentar fazer o cadastramento para Iemanjá, Fuzuê e Furdúncio. Eles colocaram o sistema pela internet, e hoje que colocaram presencialmente.

A longa espera foi motivo de várias reclamações. Um dos ambulantes afirmou que faltam banheiros para as pessoas.

“Sem um banheiro fica difícil. Aqui tem muita gente hipertensa, diabética, e sempre tomam remédio. E chega de manhã e não tem um banheiro. Fica difícil. Deveria ter um banheiro aqui para gente, ou então abrir mais cedo”, pontuou.

Fila foi registrada na porta da Semop, nesta segunda-feira (20). — Foto: Reprodução / TV Bahia

Fila foi registrada na porta da Semop, nesta segunda-feira (20). — Foto: Reprodução / TV Bahia

Segundo Felipe Lucas, Secretário Municipal de Ordem Pública, o cadastramento para as festas tem a taxa de R$35,47.

A gente está disponibilizando para a festa de Iemanjá 500 licenças. itapuã, 300 licenças. A gente vai estender isso também para o público que não é licenciado para aquele local. A gente já tem os licenciados de Itapuã, os do Rio Vermelho. Outras pessoas que também queiram fazer parte das festas também vão ter acesso”, disse.

Ele contou ainda que uma pessoa pode se cadastrar para mais de um evento. A ideia é que os ambulantes possam, no mesmo dia, fazer todos os cadastros.

“Geralmente, o licenciamento é feito para os quatro eventos. A ideia é justamente essa, para tentar minimizar os transtornos e fazer com que eles tenham de maneira mais prática, o acesso e não precisem voltar outros dias, tendo esse retrabalho, vamos chamar assim. A gente fez esse ano, dessa forma. Eles podem chegar e se credenciar para os quatro eventos”, completou.

O secretário afirmou também que o cadastramento para o carnaval ocorra a partir do dia 3 de fevereiro.

“O licenciamento para o carnaval começa no inicio de fevereiro. No dia 3 de fevereiro, de forma presencial. A previsão é no dia 3 de fevereiro. A gente ainda vai publicar isso, nos sites, no Diário Oficial do Município (DOM)”, completou.

Muitas pessoas chegaram na Semop na domingo (19).  — Foto: Reprodução / TV Bahia

Muitas pessoas chegaram na Semop na domingo (19). — Foto: Reprodução / TV Bahia

Compartilhar