Um homem, que não teve a identidade divulgada, foi preso em flagrante com um simulacro de arma de fogo e dez celulares, após assaltar passageiros de um ônibus, na Avenida ACM, na quinta-feira (20). A prisão ocorreu após ações investigativas de policiais do Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (Gerrc).  Populares tentaram agredir o assaltante, lançaram objetos e pedras na direção dele, mas acabaram atingindo a cabeça de um investigador, que foi atendido em uma unidade de saúde e passa bem.

Os aparelhos celulares das vítimas assaltadas foram apreendidos pela polícia, assim como uma réplica de arma de fogo utilizada para cometer o assalto. O suspeito foi autuado em flagrante, passou por exames de corpo de delito e está à disposição do Poder Judiciário. O titular do Gerrc, delegado Marcelo Tanus, destaca que as investigações estão alinhadas com ações em campo. “Estamos realizando acompanhamentos em pontos estratégicos, que possam proporcionar resultados como esse”, afirma.

Compartilhar