O Hospital Espanhol, no bairro da Barra, em Salvador, está apto a receber pacientes com sintomas do novo coronavírus. A decisão foi tomada após a vistoria técnica na unidade, realizada na manhã desta quarta-feira, 18, que contou com as presenças do governador Rui Costa (PT) e do secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas.

Após o procedimento, o governador informou que foram constatadas áreas que precisam de reparos, que serão feitos de imediato. “Nós vamos utilizar 80 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 80 apartamentos, totalizando 160 leitos, além de salas de cirurgia, emergência e refeitório para atender eventuais pacientes que precisem desse atendimento”.

Ainda de acordo com Rui Costa, as medidas para reabrir temporariamente o hospital começam já nesta quarta, com o serviço de dedetização. Em seguida, serão feitos a higienização e os devidos reparos. Já os profissionais que vão trabalhar na unidade serão contratados pelo governo em formato a ser definido junto à Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

A ocupação temporária do Hospital Espanhol foi solicitada pela Procuradoria Geral do Estado e autorizada pela justiça federal na terça-feira, 17.

Compartilhar