Renata Turbiani – VivaBem

Talvez você já tenha escutado que guardar o limão depois de cortado, mesmo em ambiente refrigerado, pode trazer riscos à saúde. Pois saiba que isso não é verdade. O que acontece com ele, após um período aberto, é a oxidação, devido ao contato com o ar, tendo como consequências a perda das propriedades benéficas, o ressecamento e uma possível alteração do sabor. Mas nada disso, a priori, faz mal.

Outro ponto importante de se destacar é que a fruta é rica em ácido cítrico —presente tanto na casca quanto na polpa—, um potente bactericida que atua como conservante natural e impede o surgimento e a rápida proliferação de bactérias e outros microrganismos causadores de doenças.

Compartilhar