Gretchen pretende seguir todas orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde) em seu casamento na cidade de Belém, no Pará. Em entrevista à Quem, ela afirma que está de olho nos detalhes para que o risco de contágio de covid-19 seja mínimo no evento.

“O casamento será restrito a 100 pessoas, no Restaurante Ilha, onde a capacidade é para 200. A cerimônia será em uma balsa, dentro do rio, e totalmente ao ar livre. Sem nenhum problema de aglomeração”, disse a cantora sobre a união com o músico Esdras Souza.

“E mesmo assim, só confirmaremos tudo depois do Governo Estadual oficializar o decreto de permissão de eventos para até 150 pessoas”, reforçou. A data escolhida pelo casal é 30 de setembro.

Nas redes sociais, Gretchen lamentou as críticas sobre o casamento e reafirmou a preocupação com a segurança. “Todo mundo vai estar de máscara e com distanciamento social. Lógico, tenho 61 anos e não sou nenhuma maluca, pessoa que não tem censo, que não sabe que eu também sou do grupo de risco”.

Compartilhar