Num primeiro treino livre bastante equilibrado em Spa-Francorchamps, Valtteri Bottas começou as atividades para o GP da Bélgica na primeira colocação. O finlandês da Mercedes marcou 1m44s493 na sua melhor volta, e foi seguido de perto pelo líder do campeonato Lewis Hamilton e por Max Verstappen. Apenas 0s081 separaram os três.

Os carros da Racing Point completaram os cinco primeiros colocados, com Sergio Pérez à frente de Lance Stroll. Também ficaram no top 10, da sexta à décima colocações, Alexander Albon (RBR), Esteban Ocon (Renault), Carlos Sainz Jr. (McLaren), Daniel Ricciardo (Renault) e Lando Norris (McLaren). A Ferrari ficou só em 14º com Charles Leclerc e 15º com Sebastian Vettel.

Resultado do treino

Resultado do primeiro treino livre em Spa-Francorchamps — Foto: Reprodução/FOM

Resultado do primeiro treino livre em Spa-Francorchamps — Foto: Reprodução/FOM

Ferrari segue calvário

Numa pista veloz como a de Spa-Francorchamps, já se esperava um desempenho ruim da Ferrari, mas talvez não tão ruim. Charles Leclerc e Sebastian Vettel sequer conseguiram ficar entre os dez primeiros. O monegasco chegou a escapar da pista devido ao desgaste dos pneus.

Treino aHAAStado

A fase da equipe Haas realmente não é boa. Tanto o dinamarquês Kevin Magnussen quanto o francês Romain Grosjean não conseguiram completar a programação neste primeiro treino devido a problemas nas suas unidades de potência. O time terá de trocá-las antes da segunda sessão.

Equilíbrio enorme

A temporada de 2020 vem sendo uma briga restrita a Lewis Hamilton, Valtteri Bottas e Max Verstappen, e neste treino não foi diferente. Na primeira parte da sessão, o holandês estabeleceu as melhores voltas com pneus duros, e Hamilton tomou-lhe o primeiro lugar por pouca margem.

Na segunda metade do treino, com os pilotos colocando os pneus macios, Norris, Sainz e Albon chegaram a liderar brevemente, mas Bottas estabeleceu o melhor tempo, com Hamilton e Verstappen muito próximos – apenas 0s081 separaram os três primeiros colocados.

Racing Point forte

Na veloz pista belga, o carro da Racing Point voltou a mostrar bom desempenho, tanto que Sergio Pérez e Lance Stroll se posicionaram novamente entre os primeiros colocados. O mexicano, por exemplo, ficou a apenas 0s136.

Escapadas

O primeiro treino do GP da Bélgica não teve nenhum acidente, mas algumas escapadas, como as de Leclerc, Lando Norris e Valtteri Bottas. O finlandês travou os pneus na aproximação para a chicane da Bus Stop e teve o pneu dianteiro esquerdo furado.

Compartilhar