O presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Júnior, teve a agenda telefônica clonada, conforme constatado na tarde desta sexta-feira, 5. De acordo com o presidente, os golpistas estão passando mensagens do telefone (71) 9999-2891, que não o pertence, mas está identificado com uma foto dele, solicitando, em seu nome, dinheiro e transferências bancárias.

“Se alguns dos meus contatos receberem algum pedido dessa natureza, por favor, apague e não façam quaisquer transferências ou empréstimos”, informou.

“Infelizmente temos visto um grande número de pessoas serem vítimas desses golpes que já não deveriam mais existir, num país com mais de 200 milhões de celulares. As empresas de telefonia que dispõem de recursos de alta tecnologia não conseguiram, ainda, coibir esse tipo de investida de golpistas. As contas chegam, mas à proteção ao sigilo de nossos dados deixa muito a desejar”, conclui Geraldo Júnior.

Compartilhar