O pedido de exoneração do agora ex-secretário de Saúde da Bahia (Sesab), Fábio Vilas Boas, foi publicado em edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira.

Vilas-Boas pediu exoneração após o polêmico episódio em que agrediu verbalmente a chef Angeluci Figueiredo, dona do restaurante Preta, na Ilha dos Frades. Ele chamou a empresária baiana de “vagabunda”, após dar de cara com o restaurante fechado devido ao mau tempo.

Angeluci tornou o caso público e os prints da conversa com as ofensas vieram à tona, o que causou a revolta de políticos e entidades do estado, além de ter ganho repercussão nacional.

Em publicação no twitter na noite de ontem, o ex-secretário registrou a sua saída do cargo. “Entreguei, agora à tarde, minha carta com pedido de exoneração do cargo de secretário estadual de Saúde, que ocupava desde janeiro de 2015. A solicitação foi aceita pelo governador Rui Costa”, pontuou.

Compartilhar