Famoso pelas polêmicas quando ainda atuava, o ex-jogador baiano Edílson da Silva Ferreira, o ‘Capetinha’, deixou as manchetes esportivas para ser figura frequente nas notícias policiais.

Em decisão anunciada no último dia 13, pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT), o comentarista do programa Donos da Bola-SP, da Bandeirantes, que responde a processos trabalhistas há cerca de oitos anos, teve o arrombamento de um de seus imóveis, localizado no Horto Florestal, em Salvador, autorizado pelo TRT. Ainda segundo o texto, a fechadura do local também foi trocada.

Conforme o documento, os objetos encontrados no apartamento ficaram sob a responsabilidade por cerca de 30 dias.

“Diante da situação certificada pela oficiala de justiça em ID. eaa454b, a fim de viabilizar o cumprimento do mandado de imissão na posse, expeça-se mandado de arrombamento do imóvel, a ser cumprido com auxílio policial, devendo-se, para tanto, ser expedido o competente ofício requisitando a prestação do reforço. Dê-se ciência ao arrematante do quanto ora determinado, devendo contactar o CEMAN no prazo de 5 dias para agendamento da diligência que deverá acompanhar, bem como viabilizar os meios necessários ao seu cumprimento, notadamente quanto à disponibilização de chaveiro para auxiliar no arrombamento do imóvel. Ainda, deve o arrematante, de logo, ficar ciente de que eventuais bens que se encontrem guarnecendo o imóvel ficarão sob sua guarda e depósito, pelo prazo de 30 dias”, diz o comunicado.

Compartilhar