O prefeito eleito de Salvador, Bruno Reis (DEM), disse em entrevista ao Jornal da Manhã, nesta terça-feira (29), que prevê a retomada das aulas no ensino municipal em fevereiro de 2021. Apesar da previsão, o prefeito eleito pretende se reunir com o governador do estado, Rui Costa (PT), para que estado e município consigam alinhar a volta às aulas ainda durante a pandemia da Covid-19.

As aulas presenciais estão suspensas desde março por causa do novo coronavírus.

“Estamos tentando trabalhar com a data de 8 de fevereiro. Sendo que as escolas teriam uma semana para se preparar, fazer simulações e testes.

“Tudo isso vai depender de como esteja o estágio da pandemia a partir de 20 de janeiro. Mantido os números da pandemia, manter a média de, no máximo, de 70% na ocupação da UTI, a nossa ideia é retomar em fevereiro”, detalhou Bruno Reis.

Bruno Reis diz que retomada das aulas em Salvador pode ocorrer em fevereiro de 2021 — Foto: Reprodução/TV Bahia

Bruno Reis diz que retomada das aulas em Salvador pode ocorrer em fevereiro de 2021 — Foto: Reprodução/TV Bahia

Segundo o prefeito eleito, a município aguardou que o governo federal elaborasse uma diretriz de retomada às aulas, mas como não ocorreu, a prefeitura decidiu pela iniciativa e pretende definir um protocolo com o governo do estado.

“Nossa visão é que se não houver um retorno até fevereiro, iremos comprometer o calendário de 2021. Vamos tentar condensar para recuperar este ano. Solicitamos uma audiência com o governador, estamos aguardando esse encontro que pode ocorrer ainda hoje ou amanhã, para começar esse diálogo, mas o importante é construir uma agenda em conjunto, sincronizar a retomada da educação municipal com a estadual”, disse.

Para a retomada das aulas, Bruno Reis disse que rodízio de estudantes, distanciamento, higienização e parte das aulas na modalidade online serão algumas medidas adotadas.

“Vai ter distanciamento, haverá rodízio. Parte das crianças irão para escola segunda, quarta e sexta e outras nos demais dias. Metade da aula será presencial e outra parte online. Haverá higienização das escolas. Nosso desejo é retomar a aula em fevereiro. Se não iniciarmos vai ser praticamente impossível recuperar ao ano, correndo o risco de perder dois anos letivos”, explicou.

‘Salvador Para Todos’ prorrogado até março

Tarifas dos ônibus do transporte coletivo de Salvador não devem sofrer reajustes no início de janeiro, disse Bruno Reis — Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Tarifas dos ônibus do transporte coletivo de Salvador não devem sofrer reajustes no início de janeiro, disse Bruno Reis — Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Na entrevista, o prefeito eleito afirmou também que o pagamento do benefício “Salvador por Todos”, concedido pela prefeitura para trabalhadores informais e individuais, foi prorrogado até março de 2021.

“Ambulantes, feirantes, barraqueiros, baianas de acarajé estão parados pelo auxílio emergencial. Eu pedi ao prefeito ACM Neto, ele encaminhou esse ano à Câmara, e a Câmara ja autorizou esse pagamento até o mês de março”, disse.

Bruno reis também falou sobre a equipe que vai compor a gestão dele. O anúncio com os nomes ocorreu na segunda-feira. Alguns secretários foram mantidos, como foi o caso do secretário da saúde, Leo Prates.

Ele também falou sobre o transporte. Disse que provavelmente não haverá aumento na tarifa dos ônibus do transporte urbano da capital baiana, logo no início de 2021.

“O contrato prevê reajuste anual sempre primeiro de janeiro de cada ano. Estamos chegando [equipe nova], vamos analisar, tem a participação do Ministério Público em todos esses encontros. Hoje o MP tem acesso a essas informações. Para se dar um reajuste desse tem uma série de fatores. Provavelmente não terá aumento no início do ano. Vamos analisar se terá o direito ou não do reajuste”, disse.

Com relação à saúde, Reis disse que a nova gestão vai seguir o trabalho com foco na pandemia da Covid-19. Novos leitos serão abertos, além da realização de campanhas educativas e serão mantidas as medidas de proteção nos bairros onde são realizados testes, distribuição de máscaras, entre outras ações.

Nesta terça-feira, serão abertos 15 novos leitos para atendimento da Covid-19 no Hospital Evangélico. Ação ainda do governo ACM Neto, mas que será mantida pelo prefeito eleito.

“Prioridade sempre foi e será salvar a vida das pessoas”, destacou.

Compartilhar