Foi dado o primeiro passo para o pleno funcionamento da Academia Baiana de Ciência da Administração (ACADM). Seus 24 membros natos e eleitos foram empossados na noite desta terça-feira (26), em uma cerimônia no Teatro Eva Herz, em Salvador. A iniciativa faz parte das comemorações dos 50 anos do Conselho Regional de Adminstração (CRA).

“É uma academia que pretende estimular a pesquisa e a formação superior em Administração em benefício da Bahia”, disse o presidente de honra da ACADM, João Eurico Matta, durante a cerimônia. Nos próximos dez dias, os membros vão se reunir e eleger o presidente efetivo da instituição, bem como o restante da sua diretoria.

A diretoria é que vai estruturar o funcionamento pleno da Academia, providenciando uma estrutura física, instaurando parcerias com outras entidades e promovendo cursos, palestras, entre outros eventos. O intuito é incentivar e a pesquisa e a produção científica na área da Administração no estado.

“Estreitaremos ainda mais a nossa proximidade com as Instituições de Ensino Superior, professores e pesquisadores. Nossa intenção é promover, incentivar e estimular o desenvolvimento e o conhecimento da Ciência da Administração, realizar mais capacitações e publicar revistas e informativos científicos”, disse o presidente de honra.

O intercâmbio de ideias foi destacado por Antonio Carlos Júnior, professor da Universidade Federal da Bahia e presidente da Rede Bahia. “A ideia da academia é reunir professores e nomes da Administração da Bahia para trocas de ideias de temas e maneiras de difundir o estudo da Administração”, destacou.

Homenageados
Entre os membros empossados pela Academia estão a diretora de formação do Conselho Regional de Administração, Maria das Graças Pitiá Barreto; Antonio Carlos Júnior; e os reitores da Unifacs, Manoel Joaquim Fernandes de Barros Sobrinho, e da Unijorge, Guilherme Marback Neto.

Antonio Carlos Júnior, presidente da Rede Bahia, é um dos eleitos (Foto: Almiro Lopes)

Também foram homenageados 24 patronos efetivos das cadeiras, reconhecidos por sua contribuição para a área, mesmo não sendo formados em Administração. Entre eles estão o ex-reitor da Ufba Edgar Santos, o escritor João Ubaldo Ribeiro e Irmã Dulce. Familiares dos homenageados receberam certificados do patronato durante a cerimônia de posse.

“A gente quer prestigiar aqueles que valorizaram a profissão ao longo de sua vida, desde os pioneiros da nossa profissão que não eram administradores, até os atuais”, pontuou o presidente do Conselho Regional de Administração (CRA), Roberto Ibrahim Uehbe.

O Conselho foi o responsável por dar apoio à criação da Academia e ajudar na organização do primeiro momento, mas a partir da eleição da diretoria, as duas entidades se tornam independentes.

Compartilhar