Depois do governador Rui Costa falar que acredita ser ‘viável’ a realização do Carnaval em 2022, o virologista Gúbio Soares criticou a possibilidade. “É uma loucura, com Carnaval em 2022, se está morrendo muita gente, vai ser de quatro a cinco vezes mais o número de mortes em 2022”, disse o especialista em entrevista para o ‘Isso é Bahia, na rádio A TARDE FM, na manhã desta quinta-feira, 20.

Gúbio foi cético sobre a possibilidade do Brasil vacinar toda a população até dezembro deste ano. “O vírus continua circulando na população intensamente e ele não atingiu o pico na população. E a vacina não vai chegar em toda a população até dezembro, o único país que tem vacina suficiente são os Estados Unidos, porque eles estocaram a vacina para sua população, mas o Brasil não vai conseguir”, relatou.

Atualmente, o Brasil tem mais de 19% da população imunizada com a 1ª dose de vacinas contra Covid, segundo dados compilados pelo consórcio de veículos de imprensa. A Bahia, segundo dados da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) já são 3.052.551 vacinados.

Para Soares, as coisas só voltarão ao que eram antes daqui a três anos. “Eu acredito que só vamos voltar a normalidade em três anos. As pessoas tem que imaginar que, toda vez que você flexibiliza muito, as pessoas vão se expor. Estão morrendo jovens, crianças, então, a população mais jovem, que não está sendo vacinada, ela vai ser muito atingida”, explica.

Compartilhar