Um detento do Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador, foi assassinado por outros presos, na tarde de quinta-feira (6). Ele estava custodiado no Presídio Salvador, uma das unidades da penitenciária.

O homem foi identificado como Josevaldo da Luz Oliveira, e ele foi morto horas após ter sido transferido de Jequié, no sudoeste baiano, para a capital. A Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia (Seap) informou que ele estava preso para responder por dois crimes de homicídio.

Ainda de acordo com a Seap, os presos que cometeram esse crime usaram camisas na cabeça para não serem identificados. O médico plantonista da unidade tentou prestar socorro, mas Josevaldo não resistiu aos ferimentos. Não há detalhes de como ele foi assassinado.

A secretaria disse também que a direção do Presídio Salvador adotou os procedimentos e comunicou o crime às autoridades policial e judiciária. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) também foi acionado.

Compartilhar