O Democratas vai governar cerca de 30% da população da Bahia a partir desta sexta-feira, 1º, quando os prefeitos tomam posse para o mandato que vai até 2024. Com a eleição de 39 gestores municipais no pleito de 2020, o partido administrará o maior percentual de baianos entre todas as legendas.

A legenda, presidida nacionalmente por ACM Neto, conquistou resultado expressivo entre as maiores cidades do estado. Entre os 30 maiores colégios eleitorais, o Democratas elegeu dez prefeitos, entre eles o de Salvador, Bruno Reis, eleito com o maior percentual de votos do país levando em consideração as capitais, com quase 65%.

A sigla ainda teve o maior número de votos para prefeitos em toda a Bahia nas eleições deste ano, com cerca de 1,5 milhão de sufrágios, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e superou partidos como o PT, legenda do governador Rui Costa, que teve em torno de 1,1 milhão de votos.

Compartilhar