A Corregedoria da Polícia Militar fará, neste domingo (20), uma reprodução simulada dos fatos do caso da morte do soldado Wesley, no bairro da Barra, em Salvador. A reconstituição faz parte das investigações da morte do policial, que aconteceu no mesmo local, após um surto psicótico, no dia 28 de março deste ano.

De acordo com a Polícia Militar, a reprodução busca esclarecer as dúvidas surgidas no decorrer da investigação, especialmente sobre o posicionamento exato e conduta dos policiais militares envolvidos. Ainda segundo a Corregedoria, as respostas para os questionamentos serão fornecidas por um órgão técnico, afastado das investigações, o que, segundo a PM, garante a lisura e transparência do processo.

AInda segundo a nota divulgada pela PM, todos os advogados constituídos nos autos do inquérito, inclusive o representante da família do policial, foram notificados para acompanhar a simulação deste domingo, sendo garantida a participação através da formulação de quesitos ao Perito Oficial indicado pelo Departamento de Polícia Técnica da Bahia (DPT/BA).

Além da Corregedoria da PMBA, responsável pela investigação, a operação contará com a participação de outras unidades da Polícia Militar.

Por conta da simulação, o Comando de Operações da PM montou uma operação para o isolamento e contenção de pessoas e veículos, com a formação de barreiras policiais em pontos estratégicos.

Trânsito interditado na Barra neste domingo; Veja como fica

O trânsito será interditado temporariamente durante o próximo domingo (20), a partir das 11h, em algumas ruas do bairro da Barra, em Salvador. Com isso, o itinerário do transporte público também será modificado por algumas horas.

A Prefeitura não informou o motivo das mudanças. Segundo a gestão municipal, agentes de trânsito e transporte estarão na região para orientar condutores, pedestres e passageiros.

Durante a interdição, o fluxo de veículos será bloqueado nas seguintes vias: Avenida Sete de Setembro (trecho entre a Rua Barão de Itapuan e o Largo do Farol da Barra), Largo do Farol da Barra, Avenida Oceânica (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila), Rua Almirante Marques de Leão (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila), Rua Afonso Celso Leão (entre o Largo do Farol da Barra e a Rua Dias D’Ávila).

Os veículos oriundos da Ladeira da Barra deverão fazer o retorno do Porto da Barra. Já os condutores que estiverem em Ondina no sentido Barra devem optar por seguir pela Avenida Oceânica e pelas ruas Marquês de Caravelas, Cézar Zama e Barão de Sergy. Os moradores das áreas interditadas terão acesso às vias mediante comprovação de residência.

Ônibus – Com a interdição, os itinerários dos ônibus que circulam pela região serão temporariamente alterados. Os ônibus que descem a Ladeira da Barra deverão retornar no Porto e seguir pela Avenida Princesa Isabel, Viaduto da Gabriela, Avenida Reitor Miguel Calmon (Vale do Canela), Avenida Centenário e então seguir com seu itinerário normal.

Já os ônibus que chegam da Avenida Euclydes da Cunha devem acessar a Rua da Graça, Ladeira da Barra e subir pela Avenida Princesa Isabel. As linhas vindas de Ondina devem acessar a Rua Marquês de Caravelas, Alameda Antunes, Avenida Princesa Isabel, Avenida Princesa Leopoldina, Reitor Miguel Calmon (Vale do Canela), Avenida Centenário e então seguir seu itinerário regular.

Compartilhar