Três dias após autorizar a abertura das lojas na cidade, a prefeitura de Eunápolis, cidade do sul da Bahia voltou a suspender o funcionamento do comércio. A medida, que serve como forma de prevenção ao novo coronavírus, foi divulgada no Diário Oficial do Município (DOM) desta quinta-feira (9), quando a Bahia já registra mais de 550 casos, com 19 mortes.

Com o medida, que vale até a próxima segunda-feira (13), fica permitido apenas o funcionamento de serviços essenciais, respeitando as medidas de distanciamento social e higiene para prevenção. Por isso, casas noturnas, academias de ginástica, parques, cinemas, galeria, centro de atividades esportivas, por exemplo, deixam de funcionar.

Já as as farmácias, postos de combustíveis, feiras livres, açougue, peixarias, empresas funerárias, hotéis, por exemplo, têm autorização para funcionamento.

O comércio de Eunápolis ficou fechado por 15 dias. Abriu na segunda-feira (6) e voltou a ser fechado nesta quinta, após uma reunião da prefeitura com as entidades do comércio, na qual foi comunicada a possível confirmação do primeiro caso da Covid-19 na cidade, após resultados dos testes feitos em um laboratório particular.

O Ministério da Saúde, no entanto, pontuou que este resultado não pode ser considerado como diagnóstico final para a doença. Por isso, uma nova coleta foi feita pela Secretaria Municipal de Saúde, para ser enviada ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Salvador. As pessoas que tiveram contato com o paciente foram isoladas.

Compartilhar