O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), anunciou nesta segunda-feira (16) seis novas medidas de combate ao avanço do coronavírus na capital baiana. O decreto de novas ações sairá em edição extra do Diário Oficial do Município desta segunda. Dentre as medidas está a suspensão por 15 dias, a partir de quarta (18), do funcionamento de academias e cinemas. Quem não cumprir a medida pode ter que pagar multa. O estabelecimento também pode ser fechado ou ter o alvará cassado.

Veja os pontos do decreto:

1 – Suspensão por tempo indeterminado de exigência de atendimento para aposentados e pensionistas que precisam se recadastrar no dia de seu aniversário. Não vai suspender o benefício de ninguém.

2 – Suspensão de férias e licenças de profissionais da saúde, guardas, Semps (Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza), Defesa Civil para ficarem se prontidão para atender a população. Outras áreas podem ser suspensas, caso necessário.

3 – Trabalho remoto para profissionais da prefeitura acima de 65 anos, exceto aqueles que atuem em serviços essenciais para o funcionamento do serviço público. Secretários e dirigentes estão excluidos do decreto.

4 – Fechamento dos parques públicos, a partir de quarta-feira.

5 – Suspensão por 15 dias, a partir de quarta, das aulas da rede municipal e particular da cidade. Se precisar, a medida sera estendida; suspender funcionamento de cinemas e academias, por 15 dias, a partir de quarta.

6 – Todas as inaugurações e atos da prefeitura serão realizados sem a presença de público. Apenas a autoridade ligada ao ato e a imprensa participarão.

Compartilhar