A segurança pública é o destaque da semana para quem está se preparando para concursos. A Polícia Militar da Bahia, por exemplo, está oferecendo 88 vagas destinadas à formação de bombeiros e policiais. Os que podem viajar não devem deixar de considerar o concurso aberto em São Paulo, com 2.700 vagas, além do edital aberto para ocupação de 500 vagas para agentes de segurança prisional, sendo que esse último exige formação superior em qualquer área (total de 3.288 vagas nos três certames).

De acordo com o professor e advogado André Malheiros, nesse tipo de seleção, o candidato não pode descuidar de nenhuma das etapas do processo seletivo, que contemplam provas objetivas, discursiva, além das avaliações psicológicas, física, exames médico odontológico, documental e a investigação social. “O treinamento físico e o de conteúdo precisam ser diários e o candidato ou candidata precisam ter o comportamento moral necessários, pois essas etapas são eliminatórias”, esclarece.

No quesito matérias obrigatórias, o professor chama atenção para Direito Administrativo, Constitucional e Penal, além de Redação, Língua Portuguesa e Matemática.

Na Bahia, o concurso destina 60 vagas para a Polícia Militar, sendo 54 destinadas a candidatos do sexo masculino e 6 destinadas a candidatas do sexo feminino. Os Bombeiros Militares terão 28 vagas, sendo 25 destinadas a candidatos do sexo masculino e 3 destinadas a candidatas do sexo feminino. Vale salientar que o certame é voltado para candidatos com faixa etária entre 18 e 30 anos, com CNH B e ter o curso de ensino médio completo (antigo 2º grau) no ato de matrícula.

No período em que durar a formação, o estudante receberá uma bolsa de R$ 2.251,37 durante o primeiro ano, R$ 2.626,59 durante o segundo ano e R$ 3.001,82 no terceiro ano. A inscrição custa R$ 138,00, mas aqueles inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico podem solicitar isenção da taxa. As provas objetivas e discursivas serão realizadas em conjunto, provavelmente em 27 de outubro de 2019, com duração de até cinco horas. As avaliações serão realizadas apenas em Salvador.

Compartilhar