“Seria o momento ideal para a infecção vir. Todos são jovens fortes e de boa saúde. Dessa forma, eles estariam preparados para quando a ação começar.”

Consultor da RBR, Helmut Marko disse que aconselhou seus pilotos a serem infectados com coronavírus enquanto a temporada 2020 da Fórmula 1 não começa. Na cabeça do dirigente austríaco, de 76 anos, enquanto milhões de pessoas estão em quarentena com medo da doença que já matou mais de 35 mil pessoas no mundo, seus pilotos poderiam contrair a doença, serem tratados e curados para estarem em plenas condições de competir quando a temporada começar. A Organização Mundial de Saúde (OMS) não recomenda o contágio propositalHelmut Marko conversa com Max Verstappen — Foto: Getty Images

Helmut Marko conversa com Max Verstappen — Foto: Getty Images

A ideia de Marko era levar todos os pilotos titulares das equipes RBR e Alpha Tauri, os reservas, incluindo o brasileiro Sérgio Sette Câmara, e os do programa de jovens, que conta com o também brasileiro Igor Fraga. O plano do polêmico dirigente não avançou dada a rejeição entre todos:

– Temos quatro pilotos de Fórmula 1 e oito ou dez juniores, e a idéia era organizar um campo para superar mental e fisicamente o tempo morto. Vamos colocar desta maneira: não foi bem recebido.

Helmut Marko é consultor da equipe RBR na Fórmula 1 — Foto: Getty Images

Helmut Marko é consultor da equipe RBR na Fórmula 1 — Foto: Getty Images

A teoria de estimular o contágio do Covid-19 para que cada pessoa desenvolvesse sua imunidade ao vírus chegou a ser encampada pelo governo britânico, mas depois foi abolida, já que a Organização Mundial de Saúde recomenda a quarentena ou isolamento em locais nos quais a doença está se espalhando de forma mais acentuada.

Calendário sofre; novas regras só em 2022

O calendário da Fórmula 1 em 2020 sofreu impactos severos devido à pandemia de Covid-19. Os GPs da Austrália e Mônaco foram cancelados, enquanto as corridas de Barein, Vietnã, China, Holanda, Espanha e Azerbaijão estão adiadas. Além disso, o novo regulamento da categoria, previsto para ser implantado em 2021, passou para a temporada 2022.

Compartilhar