Elaborado pelo vereador Alexandre Aleluia (DEM), o Projeto 60/2020 que suspende as exigências aos motoristas de aplicativo durante a crise provocada pelo novo vírus chinês (COVID-19), foi aprovado na manhã desta terça-feira (5) no plenário da CMS.

“Nesse momento seria totalmente obrigá-los a trocar de carro, trocar a frota, vender seu carro em um tempo onde não há mercado, pagar vistorias”, afirmou Aleluia.

Do mesmo modo, via emenda, o projeto foi estendido aos motoristas de taxi, mototaxistas e motoristas de van.

Compartilhar