Os funcionários de uma empresa de call center do bairro do Cabula, em Salvador, fazem uma manifestação na manhã desta quinta-feira (19) para pedir melhores condições de trabalhos durante a pandemia de coronavírus. Eles alegam que as pessoas trabalham muito próximas e que falta álcool para a higienização.

A manifestação ocorreu na Rua Silveira Martins, a principal do bairro, mas não interferiu no trânsito porque o ato foi feito nas proximidades do pátio da empresa.

Os participantes alegam que falta sabão e álcool nas dependências da empresa, produtos importantes como prevenção ao vírus. Além disso, eles relatam que os operadores trabalham próximos uns dos outros, compartilhando os mesmos telefones e até computadores.

Durante a manifestação, além da melhoria, os profissionais também pediram a suspensão das atividades sem impacto para os trabalhadores.

Compartilhar