O presidente Jair Bolsonaro chegou à Bahia nesta sexta-feira (3), para visitar as obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), na cidade de Tanhaçu, sudoeste do estado. Ele participará da cerimônia de formalização do contrato de concessão do trecho de 537 km da via.

O avião presidencial pousou no Aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da Conquista, que fica a cerca de 130 km de Tanhaçu, por volta das 8h30.De lá, Bolsonaro seguiu de helicóptero para Tanhaçu. onde chegou cerca de uma hora depois.

No aeroporto de Conquista, os apoiadores precisaram passar por detecção de metais, antes de se aproximarem do presidente. 

Em Tanhaçu, um grupo aguardava Bolsonaro antes mesmo de sua chegada ao estado – a maioria deles, assim como o presidente, estava sem máscara, ou fazendo uso incorreto da proteção contra a Covid-19.

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro em Tanhaçu (BA) — Foto: Nayla Santos/TV Sudoeste

 

Esta é a terceira viagem do presidente à Bahia neste ano. Nas duas anteriores – em janeiro a Coribe e em abril a Feira de Santana –, o presidente entregou partes de obras de adequação de rodovias federais: as BRs 135 e 101, respectivamente.

Nesta sexta-feira, a Bahia Mineração (Bamin) assume oficialmente o trecho da FIOL que fica entre as cidades baianas de Caetité e Ilhéus. Essa concessão acontece após o leilão vencido pela mineradora em abril.

Os ministros da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, do Turismo, Gilson Machado, e da Cidadania, João Roma, acompanham o presidente na visita. Ambos também estavam sem máscara.

Bolsonaro chega à Bahia para visitar obras da FIOL e formalizar contrato de concessão da ferrovia — Foto: Nayla Santos/TV Sudoeste

Bolsonaro chega à Bahia para visitar obras da FIOL e formalizar contrato de concessão da ferrovia — Foto: Nayla Santos/TV Sudoeste

Ferrovia de Integração Oeste-Leste

As obras de construção da FIOL começaram em 2011, em uma parceria entre os governos federal e da Bahia. No entanto, por falta de verbas, foi paralisada entre 2015 e 2017. A previsão era de que a FIOL tivesse construção concluída em 2014, mas ela segue sem previsão de finalização.

Quando concluída, a FIOL deve reduzir os custos de transporte de grãos, álcool e minérios destinados ao mercado externo.

Depois da passagem pela Bahia, o presidente Bolsonaro seguirá para o Recife, em Pernambuco, onde participará de uma cerimônia de inauguração das instalações da Escola de Formação de Luthier e Archetier da Orquestra Criança Cidadã, durante a tarde.

Compartilhar